Amigo Bicho demonstra preocupação com quantidade de filhotes soltos e alerta para responsabilidade de tutores

Atuando no município desde 2010, a ONG Amigo Bicho presta um serviço voluntário de atendimento a animais abandonados em Venâncio Aires. Nos últimos meses, a associação tem alertado para uma grande preocupação com os índices de natalidade de cachorros no município. Segundo a atual tesoureira da entidade, Naís Andrade, em um único dia, o grupo chegou a receber 22 pedidos para colocar filhotes na adoção.

Atualmente, a associação conta com oito voluntários que dispõem de lares temporários para os animais resgatados. Naís apela para que a comunidade cuide, principalmente, das fêmeas em período de cio: “cuidem das cachorras, por favor. Façam a castração, mantenham elas presas. Porque depois, os animais que nascem e não são adotados, acabam sendo abandonados. A verdade é que não existem mais lares para tantos animais”.

Naís relata também dificuldades em atender todas as demandas, já que a ONG é formada por voluntários e não tem ligação com o poder público. Interessados em colaborar de alguma forma ou conhecer o trabalho da Amigo Bicho, podem buscar mais informações pelo Facebook e Instagram. Além de fazer a doação de valores, ração e medicamentos, as pessoas também podem apadrinhar ou serem lares temporários de um animal.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado