Associação Vôlei Venâncio projeta inclusão de crianças a partir de oito anos

Depois da consolidação do trabalho em 2021, a Associação Vôlei Venâncio organiza as atividades para os próximos meses. No ano passado, segundo balanço apresentado pelo presidente Gabriel Endler durante participação na Rádio Venâncio Aires, foram atendidas cerca de 80 crianças e jovens. Para 2022, o objetivo é iniciar o trabalho com mini vôlei, método voltado para o desenvolvimento de crianças a partir dos oito anos.

Outra modalidade que pode ganhar espaço na Associação Vôlei Venâncio é o vôlei de praia. O grupo está participando do chamamento público Programa Municipal de Incentivo ao Esporte Amador (Promiea) e busca recursos para garantir a compra dos equipamentos que são necessários para o desenvolvimento da prática. O resultado, de acordo com o edital, será divulgado no dia 24 de fevereiro pela Secretaria de Cultura e Esportes.

Apesar da inclusão de novas modalidades, o trabalho nas quadras permanece e será reforçado. Com uma boa safra de atletas no Infantil Feminino, Gabriel Endler projetou, inclusive, a disputa de competições de alto nível em 2022. “Minha maior meta é conseguir um valor para se federar e jogar campeonato em nível estadual, como o Colégio Martin Luther, uma equipe de renome”, disse.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado