Baixa procura da vacina contra a gripe por mães e crianças preocupa profissionais da saúde

A adesão do terceiro grupo prioritário à Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe tem sido baixa e os números preocupam os profissionais de saúde. A campanha, que pretende atingir crianças de 6 meses a menores de 6 anos incompletos, gestantes e puérperas, segue até cinco de junho.

Conforme a responsável pelo setor de imunizações de Venâncio Aires, enfermeira Carla Lili Muller, apenas 34,5% das crianças foram até unidades de saúde para se vacinarem. “É bastante gente que a gente nota que falta vacinar. As escolas davam uma ajuda na divulgação e pode ser que seja isso que esteja atrapalhando. Eu quero pedir que os pais tragam as crianças porque é muito importante”, disse.

A baixa procura é preocupante porque o vírus influenza pode provocar complicações respiratórias em gestantes, puérperas e crianças. “Temos uma população total de crianças para serem vacinadas de 4.029. Faltam poucos dias para terminar e somente 1393 se vacinaram […] isso é muito pouco”, disse.

- Advertisement -
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado