Deputados e representantes do setor vão ficar de fora da COP10 

Por Janine Niedermeyer e Guilherme Siebeneichler / Olá Jornal

O banimento dos deputados estaduais e federais, prefeitos, representantes de entidades e do secretário estadual, Ronaldo Santini, não será revertido na 10ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco (COP10) que iniciou nesta segunda-feira, 05, no Panamá. A informação foi confirmada pela organizadora do evento mundial que discute medidas para reduzir o consumo de produtos de tabaco no mundo. A Organização Mundial de Saúde alega que os parlamentares, entidades e representantes governamentais estão envolvidos com a indústria do tabaco, ferindo o regramento do tratado global.

A negativa de participação como convidado ou ouvinte foi criticada pelo deputado federal Heitor Schuch (PSB), que tinha posição de credenciamento por representar o Parlasul. Segundo o deputado, a comitiva que defende a produção de tabaco no Brasil seguirá atuando junto ao Ministério de Relações Exteriores e a Embaixada do Brasil no Panamá, para garantir informações sobre os debates da Conferência, e também apontar possíveis prejuízos ao setor e produtores. 

“Como diz aquele ditado, enquanto tiver vida tem esperança e nós não vamos desistir, temos que mudar as estratégias, mudar de tática. Eu acho que nós temos que centrar todas as forças agora na Embaixada do Brasil, embaixadora, embaixada, suas representações para falarem por nós junto à Organização Mundial da Saúde. Me parece uma má vontade, uma maneira de excluir a representação dos produtores da indústria, dos municípios, os deputados, o prefeito, para que a gente nem entre no plenário, nem saiba o que está acontecendo. Eu acho que isso é muito ruim para o cenário como um todo e isso certamente vai fazer com que, no futuro, a gente tenha que repensar a nossa vinda para as participações na COP,” comentou o Schuch em entrevista a jornalista Janine Niedermeyer que acompanha a COP10 direto do Panamá. 

No início da noite desta segunda-feira, 05, os deputados federais e estaduais que acompanham a comitiva brasileira irão se reunir na Embaixada do Brasil no Panamá. O encontro está agendado para às 18h30min (20h30min de Brasília). No encontro com o embaixador, o grupo pretende garantir algum tipo de credenciamento para parlamentares e jornalistas, além de posicionar a delegação oficial do país na COP10 sobre a importância econômica do tabaco na economia brasileira. 

PARLAMENTARES

Fazem parte da comitiva de deputados estaduais: Marcus Vinícius de Almeida (PP), Edivilson Brum (MDB), Zé Nunes (PT) e Silvana Covatti (PP). Já de federais são: Heitor Schuch (PSB), Marcelo Moraes (PL) e o catarinense Rafael Pezenti (MDB). O grupo participa de reunião com o embaixador Carlos Henrique Moojen de Abreu e Silva, que preside a delegação oficial do Brasil durante a COP10.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado