Estudos de entidades sindicais apontam para crescimento do custo de produção do produtor de até 27% com proposta de Reforma Tributária

Um estudo desenvolvido por técnicos de entidades sindicais aponta para o crescimento do custo de produção dos produtores rurais com a aprovação da proposta da Reforma Tributária do Rio Grande do Sul. A proposta foi encaminhada à Assembleia Legislativa neste mês e deve ser analisada nas próximas semanas. Desde que foi apresentado, o projeto recebe críticas de entidades e de parlamentares.

Conforme o presidente Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar da Região Sul, Carlos Joel da Silva, o produtor seria penalizado em diversas oportunidades. “Ela [reforma] vai aumentar os impostos nos insumos agrícolas. Quem vai pagar essa diferença do ICMS vai ser o produtor. Também vão aumentar nas máquinas e implementos agrícolas. Quem compra são os agricultores. A indústria não paga, ela repassa o valor”, disse.

Carlos Joel da Silva explica que os estudos demonstram que o custo de produção pode aumentar de 18% a 27%. “Muitas vezes, isso é todo lucro do produtor. Vai pegar muito pesado, desde a produção de soja até o hortifrutigranjeiro. Não satisfeito, ele também vai aumentar imposto dos produtos da cesta básica. Pão e leite vão pagar. O principal concorrente vem do Mercosul e vai vir com alíquota zero”, destacou.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Venâncio Aires registra 18ª morte por coronavírus

Internada desde quatro de setembro no Hospital São Sebastião Mártir, a mulher de 59 anos tinha cardiopatia crônica e diabetes mellitus

Nota Fiscal Venâncio-airense realiza sorteio referente ao mês de setembro

Duas pessoas de fora, uma de Cachoeira do Sul e uma de Áurea, compraram no comércio local e também asseguram prêmios

Conheça os 208 candidatos à Câmara de Vereadores

Na tarde desta segunda-feira, 28, a reportagem organizou a lista de todos candidatos que registraram candidatura no Tribunal Superior Eleitoral

Governo anuncia criação do programa Renda Cidadã

Senador Márcio Bittar informou que o objetivo do programa é atender a milhões de brasileiros que, a partir de janeiro, com o término do pagamento do auxílio emergencial, "não terão do que sobreviver"
error: Recurso desabilitado