Inicia pesquisa e testagem da população sobre prevalência da Covid-19 em Venâncio Aires

Neste fim de semana, ocorre a pesquisa de prevalência de coronavírus, idealizada pelo Cisvale, Unisc e Amvarp. Em Venâncio Aires, serão visitadas e abordadas 200 pessoas em estabelecimentos e em residências, na cidade e interior, por 17 profissionais da Secretaria Municipal de Saúde devidamente identificados e com equipamentos de proteção.

As pessoas serão convidadas a responderem um questionário e a fazer o teste rápido que identifica o coronavírus. Serão quatro finais de semana de pesquisa, sendo que serão aplicados 200 testes em cada rodada na Capital do Chimarrão. A segunda rodada está programada para os dias 15 e 16. No total, nos 14 municípios serão cinco mil testados.

Testagem em massa começa segunda-feira

Já na segunda-feira, 3, inicia a testagem em massa que será realizada pela Secretaria Municipal de Saúde. Estarão disponíveis os testes rápidos em todas as unidades de saúde do município para pessoas que se enquadram em grupos de riscos.

A aplicação de testes rápidos exclusivamente para pessoas de grupos de risco se estende até sexta-feira, 7. Já no sábado, 8, a testagem abre para toda a população. No dia, no Centro de Atendimento para Pessoas com Sintomas Respiratórios, no Pavilhão Sebastião Mártir, das 8h às 16h, será realizado o Dia D de testagem.

Na segunda-feira, 10, os testes estarão disponíveis em todas as Unidades de Saúde e Pontos Estratégicos para a população em geral. O primeiro lote conta com 15 mil testes. Conforme a demanda, a Administração Municipal deverá realizar a compra de mais kits.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Por influência da família, Vinicius Medeiros retira nome da corrida ao Executivo

Vinicius Medeiros permanece como presidente do PSDB e deve comendar a sigla nas eleições municipais deste ano

Estado homologa decreto por conta da enchente em Mariante

Integrantes da Administração Municipal discutem próximas etapas

Menos da metade dos bebês foram amamentados apenas com leite materno

Apesar do baixo índice, o Brasil registrou aumento no número de crianças de até seis meses que receberam amamentação exclusiva já que, em 2006, esse percentual era de 37%
error: Recurso desabilitado