App verificará autenticidade de documento de veículo na América do Sul

aplicativo Vio desenvolvido para verificar a validação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV) já está disponível nas lojas de aplicativos da Apple e do Google (App Store e no Google Play) dos países da América do Sul, com exceção das Guianas e do Suriname, que não possuem lojas próprias, de acordo com dados do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro). 

Com o aplicativo, qualquer pessoa do continente pode baixar o Vio a partir das lojas virtuais de cada país, fazer a leitura dos QR Codes e verificar sua autenticidade. Os brasileiros podem obter os documentos eletrônicos baixando o aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT) que reúne a CNH e o CRLV digitais. A iniciativa é fruto de uma parceria entre o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o Serpro e o Grupo do Mercado Comum (GMC), órgão responsável por negociar acordos em nome do Mercado Comum do  Sul (Mercosul, grupo que inclui Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai). 

Segundo o gestor responsável pelo aplicativo de validação no Serpro, Lary Fernandes, o principal benefício é que os órgãos de fiscalização de todos esses países passam a ter condições tecnológicas de comprovar a autenticidade dos documentos de trânsito dos brasileiros. “A disponibilização do Vio nas lojas da América do Sul é um ganho na segurança para o cidadão brasileiro que transita pelos países da região. Entrar nestes países com carros furtados ou com documentos falsificados vai ser muito mais difícil”, explicou em nota. 

O aplicativo verifica a autenticidade tanto dos documentos impressos quanto dos digitais, por meio da leitura de um QR Code presente na CNH e no CRLV.  O aplicativo também pode ser utilizado para checar a validade também da Placa de Identificação Veicular (PIV).

“Com a disponibilização do Vio, ficam superados os obstáculos técnicos para a validação, em nove países, da CNH, do CRLV e da PIV. Agora, a aceitação dos documentos depende do engajamento dos órgãos de fiscalização de cada um deles”, informa o chefe de Divisão de Soluções de Gestão de Trânsito do Serpro, Isidro Monteiro. 

*Com informações do Serpro

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sindicato dos Servidores Públicos pode expandir atuação para Mato Leitão

As conversas para receber os cerca de 200 servidores públicos funcionários públicos para o município de Mato Leitão começaram no ano passado

Brigada Militar prende foragido no Bairro Gressler

O caso aconteceu por volta das 20h, na rua Armando Ruschel

Câmara de Vereadores é ponto de coleta de materiais escolares

Presidente Tiago Quintana pediu aos vereadores, assessores e servidores para que que ajudem na divulgação e também com doações

Hostel se reinventa durante a pandemia e aposta em ambiente de negócios na região

Para driblar as dificuldades, o Cazco aproveitou a estrutura dos quartos para receber empresas
error: Recurso desabilitado