Distanciamento social e uso de máscaras podem ter contribuído para redução no número de internações do Hospital São Sebastião

Em meio à pandemia do novo coronavírus, a direção do Hospital de Venâncio Aires observa uma redução no número de internações gerais com relação ao mesmo período do ano passado. Mesmo com uma preparação ainda maior para atendimentos de suspeitos e confirmados com Covid-19 e aumento de leitos, a situação é considerada tranquila pelo presidente do Hospital São Sebastião Mártir (HSSM), Luciano Spies.

O próprio distanciamento social e o uso de máscaras podem ter contribuído para a diminuição de diversas doenças, principalmente as respiratórias. De acordo com Spies, entre os meses de maio e julho do ano passado, a ocupação de leitos do Hospital chegou a 100%, quando houve até uma força-tarefa para verificar casos com maior possibilidade de alta. Hoje, o índice está menor que 40%.

O que também contribui para essa baixa é o fato de que as cirurgias eletivas foram suspensas durante a pandemia, assim como outros serviços hospitalares; e o próprio receio da população em procurar a casa de saúde, visando à proteção frente à incidência do vírus.

Sobre os funcionários do Hospital, Luciano Spies explica que houve necessidade de afastamento, tanto por suspeitas e confirmações para o coronavírus, quanto para prevenção de pessoas integrantes dos grupos de risco. Pelo menos três funcionários do HSSM contraíram Covid-19, mas se recuperaram e casa e passam bem.

Número do coronavírus

Sobre os casos de coronavírus em Venâncio Aires, o último boletim da Secretaria Municipal de Saúde indica que 209 pessoas já receberam confirmação para a doença. Desses, 194 estão recuperados. Em recuperação domiciliar estão seis. E em internação há duas pessoas, que estão na UTI.

- Advertisement -
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado