Embarcação danifica comportas da barragem de Amarópolis, em General Câmara

Uma embarcação danificou parte das 44 comportas da barragem de Amarópolis, após bater de lado na estrutura da eclusa, que já vinha sofrendo com a falta de comportas operacionais, necessárias ao represamento da água e nivelação do Rio Jacuí, principalmente nos municípios de Vale Verde e Rio Pardo. O acidente foi na segunda, 06.

Conforme o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), as operações de eclusagem estão suspensas, devido à necessidade de verificação das alças do barramento, sem previsão de retomada.

“Com isso, quatro setores poderão ser afetados, sendo a navegação pelo Rio Jacuí, os pescadores, produtores rurais que necessitam do abastecimento e água do rio, e o turismo, pois sem parte das comportas, o nível do Jacuí poderá baixar muito nas épocas de estiagem, e prejudicar o lazer dos veranistas no Balneário Monte Alegre”, destacou o prefeito Carlos Gustavo Schuch.

Na sexta-feira, 10, entidades que representam a categoria dos mineradores, estarão reunidas para deliberar sobre o problema instalado, bem como pedir soluções ao DNIT.

Os sindicatos querem não somente a reforma da barragem de Amarópolis, demanda que já foi solicitada por eles e pelos municípios de Vale Verde, Rio Pardo e General Câmara, mas também, a readequação das normas de navegação nas proximidades da eclusa, com o objetivo de evitar acidentes como este.

- Advertisement -
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado