Município já encaminhou R$ 9,5 milhões em pedidos de recursos para Defesa Civil Nacional

Além dos planos para a Defesa Civil Nacional, a Administração de Venâncio Aires está atenta a programas e projetos de atendimento humanitário emergencial

A Administração Municipal de Venâncio Aires, através da Defesa Civil, já finalizou duas do total de três etapas previstas pela Defesa Civil Nacional para a busca de recursos emergenciais das enchentes. Nos planos de Ação Humanitária e Ação de Reestabelecimento, o município comprovou perdas e solicitou recursos na ordem de R$ 9,5 milhões. A terceira etapa, que prevê Ação de Reconstrução, é apurada pela Administração Municipal como a etapa mais importante e complexa, pois se buscará, em até 90 dias, o diagnóstico, projetos e recursos para reconstrução de pontes, estradas, prédios públicos e moradias.

Na primeira etapa, referente a Ação Humanitária, que previa a aquisição de cestas básicas, kits de higiene e limpeza e colchões, Venâncio Aires foi contemplado entre os primeiros 30 planos aprovados no RS e conquistou o segundo maior valor: R$ 4 milhões, que ainda não foram depositados pelo Governo Federal. A segunda etapa, referente a Ação de Reestabelecimento, o Município cadastrou R$ 5,5 milhões para recolhimento e destinação de entulhos e horas-máquinas. “Esse plano ainda está sob análise da Defesa Civil Nacional, que possui prazo para aprovação e resposta”, explica a secretária da Defesa Civil do município, Deizimara Souza.

Em seguida, o Plano de Reconstrução já começa a ser trabalhado. Neste, a Administração Municipal realiza o levantamento de pontes e estradas avariadas, Postos de Saúde, Escolas e moradias necessárias para realocar as famílias que perderam tudo. “É neste plano que buscamos recursos nacionais para efetivar uma nova Emei Closs na cidade, moradias e um Posto de Saúde em condições na Vila Estância Nova”, adianta o prefeito Jarbas da Rosa.

Além dos planos para a Defesa Civil Nacional, a Administração de Venâncio Aires está atenta a programas e projetos de atendimento humanitário emergencial e já foi comunicada dos repasses de R$ 800 mil para horas-máquinas do Governo do Estado, R$ 200 mil da Defesa Civil Estadual, R$ 60 mil do Cisvale para combustível e R$ 60 mil para atendimento aos abrigos do Ministério do Desenvolvimento Social.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado