Caixa planeja abrir banco digital em seis meses

A Caixa Econômica Federal planeja criar um banco digital no próximo ano. A nova instituição financeira será separada da Caixa e passará por processo de abertura de capital (venda de ações) no Brasil e no exterior. A informação foi dada pelo presidente da Caixa, Pedro Guimarães, ao apresentar os resultados do banco no terceiro trimestre.

Ainda é preciso aprovação do Banco Central e do Conselho de Administração da Caixa para que o banco digital seja lançado. “Estamos discutindo internamente. Há um consenso que esse é um ponto chave para o futuro da Caixa Econômica Federal. Já há uma conversa inicial no conselho de administração e algumas conversas no Banco Central”, disse Guimarães.

O presidente acrescentou que esperar ter aprovação para lançar o banco em seis meses. De acordo com Guimarães, a nova instituição, que já tem 100 funcionários, contará no começo da operação com 105 de contas digitais abertas pela Caixa.

Guimarães ressaltou que o banco digital vai ofertar, principalmente, três serviços: pagamento de benefícios sociais; liberação de microcrédito para, no mínimo, 10 milhões de clientes; e crédito imobiliário para famílias de baixa renda. “No financiamento habitacional de baixa renda, são mais 5 milhões de clientes que terão o uso do aplicativo [Caixa Tem] para pagar boletos, contas”, disse.

Os benefícios sociais são pagos por meio da poupança social digital e a movimentação dos recursos é feita pelo aplicativo Caixa Tem. São 35 milhões de beneficiários que usam o aplicativo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sandra Calçados inicia caminhada em Venâncio Aires e projeta ampliação do público-alvo

Segundo o sócio-proprietário Édson Schneider, a aquisição começou como uma brincadeira da esposa Sandra

Atendimento presencial nas escolas de educação infantil serão retomados nesta segunda-feira em Venâncio Aires

Para garantir a segurança dos estudantes, protocolos foram montados e a retomada será de forma escalonada

Prefeito descarta construção de lago na região de captação do Arroio Castelhano e projeta instalação de barragens

Para garantir o abastecimento da comunidade venâncio-airense, a Administração Municipal deve trabalhar nos próximos meses na busca pela instalação de pequenas barragens ao longo do Arroio Castelhano

Vento traz transtornos em Venâncio Aires

Uma queda de árvore foi registrada na rua Salvador Stein Goulart, na região do Bairro Macedo
error: Recurso desabilitado