Eleição 2018: TSE reabre produção de provas em ações sobre hackeamento

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu hoje (30) reabrir a fase de produção de provas nas duas ações protocoladas por partidos de oposição para cassar a chapa vencedora das eleições de 2018, formada pelo presidente Jair Bolsonaro e pelo vice-presidente, Hamilton Mourão. 

Por 4 votos a 3, o tribunal decidiu que os partidos que entraram com as ações poderão produzir provas para tentar comprovar o suposto benefício da chapa com um hackeamento feito por terceiros durante a campanha eleitoral. 

Nas ações, o PV, a Rede, o PSOL e o PCB pediram a cassação da chapa por entenderem que o presidente e o vice foram beneficiados durante a campanha eleitoral por um suposto ataque de hackers feito por terceiros em uma página do Facebook intitulada “Mulheres Unidas contra Bolsonaro”.  Segundo os partidos, o nome da página foi alterada para “Mulheres com Bolsonaro #17”. O caso aconteceu em setembro de 2018 e durou 24 horas. 

Os partidos alegaram ainda que a página foi compartilhada em uma rede social da campanha do presidente, com os dizeres: “Obrigado pela consideração, mulheres de todo o Brasil!”. 

Defesa 

Na defesa apresentada no processo, os advogados afirmaram que Bolsonaro e Mourão não participaram e não tiveram conhecimento prévio do episódio. 

A defesa lembrou ainda que, nos dias 15 e 16 de setembro de 2018, data do fato, Bolsonaro estava internado após ter sido submetido a cirurgia decorrente do atentado praticado por Adélio Bispo. 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Vereador Tiago Quintana alerta para índice de aumento no IPTU

O vereador do PDT encaminhou uma Indicação à Prefeitura de Venâncio Aires solicitando revisão de descontos para o IPTU 2021 e outros impostos municipais que seguem reajuste anual baseado no Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M)

RGE alerta para cuidados com energia elétrica durante obras, pinturas e reformas

Entre janeiro e outubro de 2020 foram registrados oito acidentes, entre leves, graves e fatais, envolvendo atividades de construção civil e pintura nas cidades da área de concessão da RGE. Até outubro houve duas mortes em decorrência de acidentes

ENTREVISTA: Originário da área da agricultura, vereador Diego Wolschick prioriza seus primeiros projetos para o setor

O vereador eleito quer buscar uma equipe da Brigada Militar para atuação no distrito de Vila Deodoro e trabalhar para aquisição de um caminhão-tanque para apoio aos produtores

Acidentes e incêndios marcam área de segurança nas últimas horas em Venâncio Aires

Na manhã desta segunda, 23, foram registrados acidentes no centro e no bairro Gressler