Brigada Militar de Venâncio Aires prende homem com carro furtado

Um homem suspeito de receptação foi apresentado na noite desta segunda-feira, 03, na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Venâncio Aires. Natural de Barros Cassal, ele tem 25 anos e é morador de Linha Estância Nova.

Conforme apurado pela reportagem, ele conduzia Chevrolet Celta furtado na cidade de Barros Cassal na semana passada e foi abordado pela Brigada Militar. Uma testemunha ouvida, que estava no carro no momento da prisão, declarou que o veículo teria sido adquirido pela quantia de R$ 3,5 mil através de um anúncio postado em redes sociais.

O condutor, que foi encaminhado para Penitenciária Estadual de Venâncio Aires (Peva), responderá por receptação. A pena para o crime varia de um a quatro anos de reclusão. Segundo o delegado Vinícius Lourenço de Assunção, a versão apresentada pela testemunha não parece verdadeiro e o valor da suposta aquisição não equivale ao veículo recuperado.

Vinícius Lourenço de Assunção explica que o indivíduo tinha pleno conhecimento que veículo não tinha procedência lícita e, mesmo assim, decidiu adquirir o bem. A situação deve servir de alerta a muitas pessoas que não adotam nenhuma cautela na aquisição de bens usados ou, pior ainda, adquirem produtos mesmo sabendo de sua origem ilícita.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Brigada Militar realiza arrecadação de brinquedos e livros para crianças carentes

Comunidade pode realizar a entrega do material no Batalhão de Venâncio Aires

Corsan esclarece dúvidas sobre resultados de obras na cidade

Representantes da Corsan e da Encosan participaram de audiência pública e prestaram esclarecimentos sobre obras realizadas na cidade e que acabaram deixando ruas com desníveis

Gauchão de Futsal começa domingo e Assoeva estreia diante do SER Itaqui

Jogo de abertura da competição ocorre no domingo, às 10h

Mato Leitão oferta até 10% de desconto para IPTU e Taxa de Coleta de Lixo

Data limite de 30 de setembro se aplica ainda para outros tributos municipais
error: Recurso desabilitado