Patrulha Maria da Penha busca farmácias parceiras

Com a união de esforços para criar mais mecanismos para denunciar a violência doméstica, a Patrulha Maria da Penha, da Brigada Militar (BM) de Venâncio Aires, está buscando farmácias que possam ser parcerias na campanha “Sinal Vermelho”.

A intenção é criar mais uma forma das mulheres buscarem ajuda em locais, diferentes de uma delegacia de polícia. A ideia é que a vítima possa ir até um estabelecimento comercial, parceiro da campanha, e solicitar ajuda. Diante disso, o atendente da farmácia contata a BM, através do 190, e uma viatura da patrulha inicia o atendimento.

Já na manhã desta terça 16, policiais militares iniciaram a visitação nos estabelecimentos e, já houve adesão à campanha, caso da Célia Farmácia, situada na rua Jacob Becker, que também participa da campanha “Máscara Roxa”, do Ministério Público.

A Patrulha Maria da Penha necessita de um novo celular (smartphone) para registro de ocorrências e atendimentos específicos de violência doméstica. Se houver alguma empresa ou pessoa que possa fazer a doação, o contato com a Brigada Militar é através do telefone 3741-1717.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sandra Calçados inicia caminhada em Venâncio Aires e projeta ampliação do público-alvo

Segundo o sócio-proprietário Édson Schneider, a aquisição começou como uma brincadeira da esposa Sandra

Atendimento presencial nas escolas de educação infantil serão retomados nesta segunda-feira em Venâncio Aires

Para garantir a segurança dos estudantes, protocolos foram montados e a retomada será de forma escalonada

Prefeito descarta construção de lago na região de captação do Arroio Castelhano e projeta instalação de barragens

Para garantir o abastecimento da comunidade venâncio-airense, a Administração Municipal deve trabalhar nos próximos meses na busca pela instalação de pequenas barragens ao longo do Arroio Castelhano

Vento traz transtornos em Venâncio Aires

Uma queda de árvore foi registrada na rua Salvador Stein Goulart, na região do Bairro Macedo
error: Recurso desabilitado