Na Câmara, manifestantes fazem novo apelo para a volta das aulas presenciais

Após fazer uma manifestação em frente ao Fórum de Venâncio Aires, alguns pais de estudantes e proprietários de escolas particulares se deslocaram até a Câmara de Vereadores. Em frente ao prédio do Legislativo, deixaram ligados alertas de carros e se concentraram para reivindicar a volta das aulas presenciais. Brigada Militar e fiscalização de trânsito também acompanharam a ação, que foi totalmente pacífica.

Uma das protestantes foi Lisane Gassen, que conversou com a reportagem da RVA e destacou que o grupo pedia o apoio dos vereadores que, em sua maioria, também são pais: “a gente vem apenas pedir a compreensão dos nossos políticos, porque a gente sabe de várias cidades que já estão adotando medidas para iniciar imediatamente as aulas e a gente quer que, em Venâncio, os nossos vereadores nos ajudem nesta batalha, porque ali também tem pais e mães“.

Já no Plenário Vicente Schuck, representantes puderam utilizar a Tribuna Livre. O presidente da Câmara Tiago Quintana (PDT) chegou a inverter a Ordem do Dia da sessão ordinária, para possibilitar que os manifestantes falassem antes do Expediente começar. Ao pedir que ocorra o retorno das atividades nas escolas, o grupo também ressaltou que todos os protocolos de segurança e prevenção ao coronavírus deverão ser seguidos. Ainda, citaram a necessidade de vacinação na população em geral, mas especialmente em professores, para que ocorra um atendimento educacional seguro a todos.

Entre os que se manifestaram na Câmara, estão Priscila Nothaf, Daniela Monteiro da Silveira, Diego Goethel, Stefana Weiss, Roberta Rex, Eliane da Cruz Espíndola e Raquel Peres. Outros pais, mães e proprietários de escolas privadas permaneceram na plateia, acompanhando as falas.

Em nome dos vereadores, o presidente Tiago Quintana colocou a Casa à disposição das famílias e reiterou que a Câmara, apesar de não ter poder de legislar sobre a pauta, já se manifestou a favor da volta das aulas presenciais, encaminhando uma Moção de Apelo ao Governo Estadual, atenta à importância da segurança de professores, demais funcionários de escolas e alunos.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado