Polícia Militar Ambiental de Rio Pardo atende denúncias de criação de pássaros silvestres em cativeiro no município

Na manhã desta sexta-feira, 13, a Guarnição de Serviço do 2º Grupo de Polícia Militar Ambiental de Rio Pardo, verificou duas denúncias de criação irregular de pássaros silvestres em cativeiro. Ao chegarem nos locais, foram encontradas na parte externa das residências gaiolas com pássaros silvestres.

No primeiro local denunciado, a guarnição foi recebida por uma mulher, de 45 anos, que se apresentou como proprietária dos sete pássaros. Já no segundo local a guarnição foi recebida por uma mulher, de 23 anos, identificada como proprietária dos 14 pássaros.

Nos dois locais foram realizadas a apreensão dos pássaros mantidos de forma ilegal, e lavrado Termo Circunstanciado, conforme prevê a legislação ambiental vigente, por tratar-se de crime de menor potencial. Os pássaros foram examinados por biólogos e soltos no meio ambiente, com exceção de um cardeal, anilhado, que será entregue em Porto Alegre a fim de ser identificado o proprietário, que responderá por entregar pássaros silvestres sob sua responsabilidade a terceiros.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado