Prefeito descarta construção de lago na região de captação do Arroio Castelhano e projeta instalação de barragens

O prefeito Jarbas da Rosa (PDT) descartou durante participação no programa Venâncio Entrevista a construção de um lago na região de captação do Arroio Castelhano ou a implantação de um sistema que interligue a estação de tratamento ao Rio Taquari. Conforme o chefe do Executivo, existem estudos em andamento e os diretores da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) trabalham na instalação de barragens ao longo Arroio Castelhano.

A criação de um lago no Acesso Grão Pará, nas proximidades da academia ao ar livre, é discutida na comunidade há vários meses. Na sessão da Câmara de Vereadores, o presidente Tiago Quintana (PDT) e outros parlamentares citaram o Lago Dourado, em Santa Cruz, como exemplo e sugeriram um reservatório na região. “É inviável pelo custo, pelas desapropriações que teriam que ser feitas e pela parte ambiental”, disse Jarbas da Rosa.

Para garantir o abastecimento da comunidade venâncio-airense, a Administração Municipal deve trabalhar nos próximos meses na busca pela instalação de pequenas barragens ao longo do Arroio Castelhano. “Isso é viável e dá a vazão necessária de água para captação. É uma coisa objetiva que a Corsan já tem estudo técnico aprovado. Agora, a gente vai buscar recurso e aquela pressão política que já começou na semana passada”, destacou.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado