Sindicato dos Servidores destaca importância do cumprimento de protocolos para segurança de profissionais nas Emeis

Integrantes da diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Venâncio Aires estiveram reunidos com o secretário municipal de Educação, Émerson Elói Henrique, e assessores da pasta. O motivo da reunião foi a manifestação, por parte da entidade sindical, da preocupação com os servidores lotados nas escolas municipais de Educação Infantil (Emeis), em que foram diagnosticados casos de Covid-19, após a retomada das atividades presenciais. Uma das escolas precisou, inclusive, permanecer fechada por um período.

“O sindicato reiterou a necessidade de proporcionar segurança aos profissionais que, a partir da abertura das escolas, se colocam em contato direto com pais e alunos, ampliando, desta forma, as possibilidades de contágio”, apontou o presidente da entidade, o professor João Batista Gomes. A entidade representativa dos servidores também apontou a falta de pessoal nas instituições, o que dificulta ainda mais o trabalho e aumenta os riscos.

O secretário garantiu que a pasta está atenta aos casos e seguindo exatamente o que aponta nota informativa do Governo do Estado, quanto a ações de monitoramento e controle da infecção pelo novo coronavírus. Sobre a Emei que precisou fechar, informou o secretário, que ela antes de reabrir foi higienizada e todos os profissionais testados. Disse que casos em outras escolas são pontuais, acompanhados com cumprimento das orientações das normas técnicas.

O secretário informou ainda que foi identificado que alguns equipamentos de proteção individual (EPIs), especificamente máscaras, não eram adequados. A pasta já adquiriu novos, com especificações diferenciadas e que estão sendo entregues nas escolas.

No encontro, além destas ações referidas, ficou acordado com o Sindicato que a secretaria de Educação vai intensificar o esclarecimento e a fiscalização para o cumprimento de protocolos de segurança, inclusive com a possibilidade de edição de uma cartilha explicativa aos pais, tendo em vista que existem casos de resistência aos cumprimentos dos protocolos previstos. “O sindicato, por sua vez, permanece atento e continuará agindo no sentido de buscar a garantia da maior segurança possível aos servidores, no desenvolvimento de suas atividades”, destacou o presidente Batista Gomes.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado