Instituições de longa permanência de idosos de Venâncio Aires comemoram resultados positivos de medidas preventivas

Os surtos do novo coronavírus registrados em clínicas geriátricas na região reacenderam a discussão sobre a presença de idosos nas instituições de longa permanência durante a pandemia. Os dois locais de Venâncio Aires, Lar Novo Horizonte e Residencial Geriátrico Bem Estar, comemoram os resultados positivos de medidas preventivas e seguem sem serem afetados pela doença.

Com 15 idosos, o Residencial Geriátrico Bem Estar adota ações de prevenção. Os funcionários são únicos que podem entrar no local e passam por um procedimento de higienização. Além disso, é verificada a temperatura de todos colaboradores diariamente e os que apresentam sintomas gripais são afastados. Os residentes passam por avaliação duas vezes por dia.

No Lar Novo Horizonte, nenhum dos 43 idosos que moram no local foi infectado pelo novo coronavírus. Desde o início da pandemia, foram adotados protocolos para prevenção. As visitas foram suspensas, cartazes de orientação foram instalados e os funcionários devem realizar a higienização e trocar de calçado antes de iniciar a jornada de trabalho.

Outro ponto afetado pela pandemia é a realização de visitas. Para tentar diminuir a saudade, estão sendo utilizados os meios digitais. “Nós temos mantido o contato com os familiares através de vídeos, pelo WhatsApp ou até mesmo pela calçada, onde eles acenam e conversam a distância com os residentes mais ativos”, disse a enfermeira responsável pelo Residencial Geriátrico Bem Estar, Marisa Petry.

- Advertisement -
 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Recurso desabilitado